Açoita-Cavalo

(em construção).

Família das Tiliáceas.

Nome científico: Luehea grandiflora Mart. et Zucc.

Outros nomes populares : Ivitinga, mutamba-preta (PA), papeá-guassu, ubatinga, açoita-cavalo-graudo.

1) Aspecto Geral :

2) Floração :

acoita_cavalo_2a

Um cacho floral.

açoita_cavalo_2b

açoita_cavalo_2c

açoita_cavalo_2d

3) Flores :

acoita_cavalo_3

Botões florais.

acoita_cavalo_3a

Flores com cerca de 5 cm de largura e 5 cm de altura.

acoita_cavalo_3b

Outra flor. Observem que há uma multiplicidade de estames, mas um só estilete.

acoita_cavalo_3c

Mão e flor.

4) Frutos :

luehea_grandiflora_4a

Um fruto isolado. A foto foi feita “contra a luz”; daí o verde mais claro, quase transparente, das grandes folhas.

luehea_grandiflora_4b

Um detalhe da foto anterior. O fruto e, atrás, alguns botões florais.

luehea_grandiflora_4c

Um fruto semiaberto, sementes já liberadas.

luehea_grandiflora_4d

O mesmo fruto, visto de outro ângulo.

luehea_grandiflora_4e

Outros frutos, aberto e por abrir

luehea_grandiflora_4f

5) Sementes :

luehea_grandiflora_5a

Iluminados pelo sol da manhã, frutos e sementes.

luehea_grandiflora_5b

luehea_grandiflora_5c

luehea_grandiflora_5d

luehea_grandiflora_5e

luehea_grandiflora_5f

luehea_grandiflora_5g

Deste fruto, colhido quando iniciava a abertura, foram retiradas as sementes acima.

6) Folhas :

acoita_cavalo_6a

Folhas. A frente e o verso.

açoita_cavalo_6b

As folhas desse exemplar chegam a 20 – 22 cm de comprimento.

7) Tronco :

8) Fenologia :

Conforme Harri Lorenzi, em “Árvores Brasileiras”, vol. 1, pág. 339, a árvore floresce durante os meses de maio a julho; os frutos amadurecem entre agosto e outubro.

21 Respostas to “Açoita-Cavalo”

  1. Dulci Says:

    Gostaria de obter informações sobre o uso medicinal da planta.
    _____
    do blog:
    Dulci: vou ver se descubro alguma coisa em meus livros…

  2. Érika Says:

    Muito boas as imagens do site. Parabéns pelas fotos e detalhes botânicos descritos.
    _____
    do blog:
    Obrigado pelas palavras, Érika!

  3. viviane Says:

    Gostaria de saber porque açoita cavalo , e tambem parabenizar pelo site, adorei.
    _____
    Do blog:
    Viviane: esse nome (“Açoita-cavalo”) vem do tempo em que andar a cavalo era um modo comum de locomoção. Os ramos finos dessa árvore (e de outras que levam o mesmo nome) são fortes e flexíveis, e se fossem despidos das folhas, tornavam-se ideais para servir como chicote improvisado, para comunicar ao animal que ele devia iniciar um galope ou trote mais ligeiro…

  4. Laura Says:

    Essa planta é muito esotica…no lugar onte eu mora é muito raro de se achar..mas apasar disso dam lindas flores!!

  5. ivonete Says:

    olá pessoal,sobre a planta açoita-cavalo,muitas pessoas me disseram que ela é otima para a repigmentação da pele com vitiligo, tomar o chá 3 x ao dia,é o que estou fazendo,e com muitas esperanças…

  6. lelis Says:

    Olá, boa tarde. Estou em Belo Horizonte e tenho um lote em Lagoa Santa, cerrado mineiro. Tenho algumas fotos de árvores que estão em minha propriedade mas ainda não consegui identificá-las. Será que posso enviar as fotos para vocês? Se sim, qual o email para essa postagem?
    Abraços e obrigado.
    Em tempo, parabéns pelo blog.
    Lelis
    _____
    do blog:
    Lelis:
    Será ótimo ver essas fotos. Nós tentaremos identificar as árvores. Mande como anexo de e-mail para valmar@top.com.br .

  7. Gregorio Says:

    Gostei muito desse blog, uma vez que no meu curso de farmácia da universidade federal do PA, fiquei responsável pela revisão bibliográfica da Luehea grandiflora para um trabalho de fitoquímica, contudo está sendo muito difícil encontrar bons arquivos sobre essa planta, e sua utilização medicinal de fontes confiáveis. Peço sua permissão para pegar as excelente imagens para expor no meu trabalho, e ainda se você puder me fornecer a referência bibliográfica de onde conseguiu essas imgs. Estarei visitando este blog para observar também o uso que as pessoas fazem dessa planta, é uma parte importante no meu trabalho. Agradeço a ajuda. Se você tiver mais informações que possa me passar, fico mto agradecido.

    meu email eh> diasgregorio@hotmail.com
    Obrigado.
    _____
    do blog:
    Gregório: estou encaminhando e-mail a você…

  8. LAZARO JOSE DA SILVA Says:

    Olá, parabéns,

    Excelente site, tudo muito claro e bem explicado, ótimas fotos,
    continuem assim, nos trazendo ótimas informações,

    abraços,

    lazaro j silva
    porto velho – ro
    _____
    do blog:
    Obrigado pelo estímulo, Lazaro!

  9. Raul José de Frias Says:

    Sou terapeuta naturalista, trabalho com massagens e ervas medicinais há sete anos. O AÇOITA CAVALO, escrevo-o com letras maiúsculas pois o seu princípio ativo é bom para vários sintomas. Na maioria dos compostos que eu preparo ele está presente. Parabéns pelas informações contidas nestas páginas. Louvado seja Deus, pelo valioso presente que nos reservou através das plantas medicinais. Eclesiatico, 38,4.
    Um abraço.
    _____
    do blog:
    Obrigado pelas informações e pelas palavras de incentivo, Raul!

  10. carlos Says:

    o blog está muito bem feito e as fotos são bem esclarecedoras. Essa árvore está dentre aquelas indicadas como arvore nativa da região de Curitiba – PR pelo Instituto Ambiental do PR. Gostaria de saber se é uma árvore adequada para quintais e terrenos em casa, se as raízes são muito grandes e podem destruir canos, calçadas, etc… Grato..
    _____
    do blog:

    Obrigado pelas palavras de incentivo, Carlos! A Luehea grandiflora (Açoita-cavalo), de acordo com Harri Lorenzi, pode chegar a 14 metros de altura e atingir diâmetro de 50 cm. Aqui em Campo Grande – MS, mesmo em região de mata, não tenho visto Açoita-cavalos com mais do que 20 cm de diâmetro.

    As raízes das árvores acompanham aproximadamente, no solo e subsolo, a geometria da copa. Assim, quanto mais longe do tronco uma raiz está, mais fina. Distorções são provocadas por umidificação inadequada do solo em torno da planta. Se você deixar em torno do tronco uma área rebaixada, sem calçamento, que possa acumular uma “lagoinha” de água da chuva (que depois irá se infiltrando lentamente, formando um cone de umidade no solo-subsolo), não deverá haver problemas com fundações e instalações hidráulicas. Valendo notar que instações hidráulicas no solo, com vazamento, representam convite para raízes coletoras de umidade.

    Mas as árvores precisam de um espaço mínimo para se desenvolverem saudavelmente. Assim, seria interessante manter distância, entre o tronco e fundações importantes (alicerces da casa), de pelo menos 3 metros. E cuidar para que a água do telhado da casa não se concentre próximo aos alicerces…

  11. Laura Says:

    Sou professora de propagação de espécies Florestais em uma escola tecnologica aqui em Marituba /PA, Gostaria de parabenizá-la pelo brilhante trabalho e dizer que vc tem contribuido muito no meu aprendizado.
    _____
    do blog:

    Obrigado pelas palavras de incentivo, Laura. Isto nos deixa felizes; sem contar que vocês, visitantes do blog, também nos têm ensinado muitas coisas sobre as plantas…

  12. ernae Says:

    Quando moravamos no interior de minas gerais, usavamos a casca do açoita cavalo amassada diluida em agua, para a limpeza da garapa (caldo de cana), pois a mistura fica viscosa e absorve a sujeira da casca da cana de açucar, quando faziamos rapadura artesanalmente. Obs: a mistura deve ser adicionada no caldo de cana quando este estiver quase fervendo. pode-se usar tambem para a mesma atividade o carrapicho, planta que tambem se obtem uma substancia identica.
    _____
    do blog:

    Obrigado pela dica, Ernae!

  13. jucimario germano Says:

    ja usei na queda de cabelo e e muito bom

  14. Volneci Says:

    Gostaria de seguir este blog!!
    _____
    do blog:

    É só entrar nele e depois clicar em “Favoritos” no seu navegador, Volneci.

  15. GersOne Vilela Baptista Says:

    Soube ontem que o chá tomado duas x ao dia é muito bom para quem tem diabetes e para o emagrecimento tb…infelizmente ainda não consegui nenhuma informação sobre estes dois tópicos aqui na net !!! Tenho muitos amigos e parentes diabeticos e gostaria de poder ajudá-los !!!

    Experimentei o chá na casa de uma mãe de uma grande amiga e tb me deu umas folhas para fazer o chá em casa … o sabor é muito agradável e hoje já irei a caça destas plantas para dar aos que precisam !!! Mas realmente gostaria de maiores informações…agradecida a quem souber !!!

  16. Rosana Says:

    um colega me falou que é bom para baixar colesterol. Comecei a tomar o chá da casca, espero que dê resultado.

  17. Marilene de oliveira nunes Says:

    eu quero saber se realmente ela emagrece?

  18. antonio palumbo ( TONI ) Says:

    ola sou construtor de instrumentos e gostaria de usar esta madeira e moro em são paulo por favor onde posso comprar….meu face e email…guitarbasspartes@hotmail.com…meu nome e antonio obrigado

  19. suneide Says:

    Gostaria de saber se essa arvore ela emagrece mesmo!! tenho primas qe ne disseram qe ja emagreceram bastante .mas não sei como tomar!!se é de copo em fim gostaria de saber .alguem pode me ajudar.!!!!dica toda vez qe me da vontade de tomar agua corro vou e tomo uma copada de açoita cavalo!!sera qe eu estou exagerando?

  20. denise guimaraes Says:

    boa tarde gostaria de saber se chá é feito da folha ou da casca? e deve colocar em fusão ou apenas na aguá?

  21. Budu Garcia Says:

    Pode me mandar umas 3 sementes? Tentarei plantá-las aqui em Jundiaí/SP

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: