E a Água Escoou por entre Dedos da Barragem

Esta é a quarta (e a maior) das 5 barragens construídas no Córrego Sóter, para regularizar o fluxo das águas pluviais nas grandes chuvas. As fundações parecem bem feitas, mas faltaram alguns metros cúbicos de concreto (e portanto alguns poucos milhares de reais) para unir de forma segura os “dedos” das ancoragens feitas na rocha. Como se sabe, terra-e-cascalho, vulnerável à ação das águas, não se mistura com concreto e com a rocha matriz.

As avarias mostradas nas fotos ocorreram na noite entre os dias 11 e 12 de novembro de 2013.

Barragem5-a

Barragem5-b

Barragem5-c

Barragem5-d

Barragem5-e

Barragem5-f

Anúncios

%d blogueiros gostam disto: