Isto sim é Poesia!

Imagino:

O Clube da Esquina se reune em novo local, provavelmente no Rio de Janeiro. Milton, Lô e Márcio. Todos estupefatos com o sucesso repentino, principalmente do moço Milton Nascimento. E preparam novo álbum. Mas, longe das raízes mineiras, a inspiração demora, parece ter sido deixada atrás pela pressa da viagem. E depois do quinto dia, a consciência, a cada 24 horas, de que “lá se vai mais um dia”…

Então a Musa aparece, disfarçada de nostalgia, estranha e incompreensível para essa gente tão jovem. Saiu um primeiro acorde, ou saiu um primeiro verso, e depois tudo foi se encaixando pouco a pouco. Ora a Musa passava a peteca para Milton, ora para Lô, ora para Márcio.

E saiu uma música perfeita, em que melodia e letra se harmonizam de forma explêndida. Saiu “Clube da Esquina nº 2”.

Você ouve mil vezes e não tem coragem de separar letra e melodia. Mas quando a coragem vem, você percebe que a letra é um belo poema, que conta um pouco da saga do grupo:

CLUBE DA ESQUINA Nº 2

Por que se chamava moço
também se chamava estrada
Viagem de ventania
Nem lembra se olhou prá trás
ao primeiro passo asso asso …

Por que se chamavam homens
também se chamavam sonhos
E sonhos não envelhecem
Em meio a tantos gases lacrimogênios
Ficam calmos calmos calmos…

E lá se vai
mais um dia…

E basta contar compasso
e basta contar consigo
que a chama não tem pavio
De tudo se faz canção
e o coração na curva de um rio…

E lá se vai
mais um dia…

E o rio de asfalto e gente
entorna pelas ladeiras
entope o meio fio
Esquina mais de um milhão
quero ver então a gente gente gente…

A música (com muitas fotos do pessoal do clube) está disponível neste linque: letras.mus.br .

P.S.- A Wikipédia conta que a letra é de Márcio Borges, feita em 1979 (quando a melodia, de Milton e Lô, vem de 1972), a pedido de Nana Caymmi. Mas continuo apostando na minha versão.

Anúncios

Uma resposta to “Isto sim é Poesia!”

  1. uaíma Says:

    Algo mais a respeito deste assunto está nos dois linques que se seguem. Um abraço por sua postagem dando conta deste “despropósito” de letra e melodia que é a “n. 2”.

    Darlan M Cunha
    ***

    Aqui: http://paliavana4.blogspot.com.br/search?q=o+ar+em+seu+estado+natural

    e aqui: https://plus.google.com/photos/101426561316955777999/albums/5612427410262021025/5612430978295683506?banner=pwa&pid=5612430978295683506&oid=101426561316955777999

    __________

    o blog diz:

    Uaíma:

    obrigado pelas informações correlatas. E viva os verdadeiros músicos e poetas!

Comentários encerrados.


%d blogueiros gostam disto: