A Moça

.

Menino gritando na rua:

Olha lá, seu moço,

Uma moça nua!

Homem maduro, sem alvoroço

.

vê ninfeta que se veste

de formosura:

Olhos azuis, madeixas,

camapuãs, suaves colinas

.

E tudo isto emoldura

pequeno prado

que em delta e dourado se avia

.

Não é moça nua,

menino aloucado:

é Poesia!

.

__________

Camapuã é nome de uma cidade no Estado de Mato Grosso do Sul. Em linguagem indígena, “camapuã” significa “seio redondo”, ou seja, seio lindo,  perfeito.

Anúncios

Uma resposta to “A Moça”

  1. Pimenta Says:

    Acho que a persona Jarbas tem nada de inveja. Considero um texto bem articulado, e parabéns!

    __________

    Valdir diz:

    Obrigado pelo apoio, caro poeta ! Pretendo trabalhar numa interpretação gráfica da cena descrita. Espero que essa musa loirinha continue me inspirando…

Comentários encerrados.


%d blogueiros gostam disto: