Rio Paraguai em Corumbá e Ladário

Margem Direita

As cidades de Corumbá (8 primeiras fotos) e Ladário (11 seguintes) ocupam a margem direita, alta, do Rio Paraguai. Nos espaços não urbanos vêem-se casas isoladas, hotéis, estaleiros, ponto de embarque de minério de ferro, fábrica de cimento (Itaú), forte do Exército e base naval da Marinha. Na primeira foto, abaixo, aparece o complexo que capta água do Rio Paraguai para o abastecimento de Corumbá.

Pescadores, Piloteiros e Camalotes

Percorremos esse trecho do Rio Paraguai a bordo do barco “Pérola”, que pode comportar mais de 150 pessoas (nesse dia, 19/06/2010, apenas umas 40). Nas águas do rio, além do grande número de barcos, navios, embarcações militares e chatas ancorados, avistamos, navegando, outros barcos de turismo, botes a motor, canoas de pescadores e os sempre presentes camalotes (Eichornia crassipes), muitos deles exibindo suas belas flores azuis-lilases.

__________

Fotos: Rosangela Rohewedd (10) e Timblindim (16).

Anúncios

Uma resposta to “Rio Paraguai em Corumbá e Ladário”

  1. roselene duarte Says:

    agora esses barcos estão bonitos, não deu medo andar nele? tinha salva vidas?
    _____
    do blog:

    Roselene:

    São barcos grandes (cabem 150 pessoas) e as águas do Rio Paraguai são muito mansas (o rio corre numa planície). Há coletes salva-vidas em número suficiente (no início um tripulante nos informa como usá-los) e há pelo menos 10 botes salva-vidas.

Os comentários estão desativados.


%d blogueiros gostam disto: