Igrejas: Arquitetura e Arte (01)

Pelo interior do Brasil, principalmente nos estados do Sul e Sudeste, freqüentemente se vê belas igrejas, construídas num tempo em que a Igreja Católica ainda exercia, no campo religioso, uma hegemonia efetiva. São obras que foram sendo erguidas com a intensa cooperação da comunidade. Às vezes os estilos se misturam, mas os resultados finais costumam ser muito bons, exalando harmonia e um certo encanto. Vejam, por exemplo, esta igreja de Dracena, cidade do oeste paulista com cerca de 42.000 habitantes: (CLIQUE NAS FOTOS PARA AUMENTAR).

A nave da Igreja. Campo Grande, cidade com 750.000 habitantes, não tem uma igreja comparável, em dimensões ou em belo aspecto.

Vista do altar. Os painéis apresentam-se em alto relevo.

Jogo de luzes e sombras.

Um dos corredores que ladeiam a nave.

Dracena vista do adro da igreja.

Anúncios

2 Respostas to “Igrejas: Arquitetura e Arte (01)”

  1. roselene duarte Says:

    as fotos da igreja em Dracena sao realmente maravilhosas,especialmente aquela com o corredor, que da a impressao que estamos entrando para o ceu de tao longa que e, e o altar nem se fala!! agora uma pergunta. oque siguinifica a palavra (nave), desculpa o meu portugues,sei que esta um pouquinho abalado, mas quero saber se essa palavra e em portugues e qual o siguinificado?
    _____
    resposta do blog:
    Roselene, segundo o Dicionário Aurélio, “nave” significa: “1. Espaço, na igreja, desde a entrada até o santuário [altar], ou o que fica entre fileiras de colunas que sustentam a abóbada [teto].” Quer dizer, a parte principal da igreja. Os corredores laterais, portanto, não fazem parte da nave; nem a “sacristia”, nem o “hall de entrada”…

  2. Rodrigo Says:

    SÓ UMA PERGUNTA CADE A FOTO DA PARTE EXTERNA? É AQUELA PARTE DE FORA QUE MAIS CHAMA-SE A ATENÇÃO AS COLUNAS, ABOBADAS,ESCADARIAS PORTAS EM MADEIRAS DUAS FOLHAS, UMA NOBREZA,POIS É LINDA PARECENDO IGREJAS EM ROMA!

Os comentários estão desativados.


%d blogueiros gostam disto: