Uma Planta Rara

Foi por mero acaso. Eu entrei num pequeno bosque de cerrado, próximo à minha chácara, à procura de um ângulo melhor para fotografar uma Rapanéia. Olhando muito para o chão, com medo de cobras (embora elas sejam raras na região), deparei com esse ser vivo interessante. Na hora fiquei em dúvida se era um cogumelo ou uma flor. No dia seguinte descobri que o que eu vira estava estampado na capa do livro “Botânica Sistemática“, de Vinícius C. Souza e Harri Lorenzi. Trata-se de uma planta da família das Balanoforáceas, e seu nome é Langsdorffia hypogaea, Mart. Mede de 6 a 12 cm de diâmetro.

Parece que cada filete desses é uma flor.

Essas plantas aparecem em grupos, geralmente maiores do que este, de apenas 3 exemplares.

Aqui, uma Langsdorffia hypogaea começando a abrir espaço para a eclosão da flor.

Aqui as folhas já estão todas afastadas, e a flor pode crescer para cima.

Os gêneros dessa família (balanophoraceae) são, além de raros, de difícil classificação. Sabe-se com certeza apenas que eles estão entre as Eudicotiledôneas.

Anúncios

13 Respostas to “Uma Planta Rara”

  1. Ivan Abreu Says:

    Comigo aconteceu algo parecido… Em 2006 estava em viagem ao meu interior (Arapiranga, na Chapada Diamantina), mais especificamente em um passeio a um rio que fica em uma região de cerrado, quando a vi. A achei, como vc, muito interessante e a fotografei. Fiquei dois anos tentando descobri que planta seria aquela, e uma dia, por acaso, me deparei com o mesmo livro que vc mencionou, em que ela está estampada na capa. Fiquei muito feliz em saber que ela é tão rara… Quero um dia poder estudá-la mais a fundo, já que estou me graduando em Bio, e adoro botânica.

    Muito legal seu blog!
    _____
    DO BLOG: Obrigado, Ivan! Eu pretendo aprender mais sobre essa planta na próxima estação chuvosa, quando talvez (espero) ela se mostre de novo. Não tenho mais certeza de que a foto que eu apresentei como o de um botão da flor, é mesmo um botão e é da mesma planta. É que os pretensos botões simplesmente não abriram e num certo dia foram parcialmente comidos por algum animal de quatro patas … Mas Botânica é assim, difícil mas desafiante.

  2. Chico Says:

    Caro Valdir, muito interessante este seu blog. Tomei a liberdade de copiar essa planta rara no Fauniflora (fauniflora.blogspot.com), onde tento demonstrar a pujança dos espécimes vegetais e animais deste nosso planeta.
    Obrigado.
    _____
    do blog:
    Ok, Chico!

  3. Eunice Mourão Says:

    Primeira vez que vi esta planta eu era bem pequena; mas ficou guardada na minha memoria. Só depois de muitos anos é que fui ve-la novamente:fiquei muito impressionada com sua beleza. Não sabia se era cogumelo ou bromelia.
    Fiquei muito contente de quando agora encontrei blog. Sempre que vou ao sitio , dou uma olhadela para ver se o jardim já floriu.
    Parabens!
    Nice Mourão
    _____
    do blog:
    Obrigado, Nice!

  4. Eunice Mourão Says:

    Estou aprocura de quem possa fornecer-m sementes ou endereço de onde eu possa encontrar sementes de OCHNA SERRULATA, pois é uma planta muito linda e interessantissima, pois seus frutos são mais belos que suas flores e mais coloridas.
    Vale a pena conhecer, se você não conhece.
    Abraço.
    Nice Mourão
    ____
    do blog:
    Vou ver se descubro alguma coisa a respeito…

  5. Eunice Mourão Says:

    Não desisti de procurar um viveiro que vende muda ou semente de ochna serrulata mas ainda não encontrei. Se alguem souber entre em contato comigo

    Obrigada

    Nice Mourão

  6. Eunice Mourão Says:

    Encontrei a mickey mouse, estou aguardando as mudas chegarem, com canteiro pronto pronto ; quando tiver flor, mostrarei para voces.

    Até breve.

    Nice
    _____
    do blog:
    Nice: estaremos aguardando as fotos das flores, e também das folhas (para ajudar na identificação, quando virmos um exemplar dessa espécie) e até dos frutos…

  7. Eunice Mourão Says:

    Encontrei uma árvore de folhas verde brilhante com o verso dourado gostaria de saber o nome dela para . É mesmo muito bonita tenho fotos
    só fotos pois cortaram a árvore e eu gostaria de saber o nome para tentar adquirir uma muda.

    Obrigada

    Eunice
    _____
    do blog:
    Eunice: analisei as 16 fotos que você mandou, mas só pelas folhas e pelo tronco não foi possível identificá-la. Verifiquei, nos livros de que disponho, as fotos de cerca de 700 árvores, e apenas uma tinha folhas semelhantes, mas tronco desigual: Chrysophyllum splendens, ou “Língua-de-vaca”, ou ainda “Bapeba”. Mas não deve ser ela. Se houvessem flores, a gente podia tentar determinar pelo menos a família a que a “sua” árvore pertence… Mas continuarei pesquisando. Ajuda se você informar em que região do Brasil você mora…

  8. ana Says:

    Achei muito voces terem revelado essa descoberta para todo o mundo!!!

    Parabéns pelo exelente trabalho.

    Gostei muitooooo!

    Me ajudou em várias pesquisas e trabalhos.

  9. Leandro Cardoso Says:

    Olá,
    meu nome é Leandro Cardoso e sou aluno do Intituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro. Faço a revisão taxonômica da família Balanophoraceae no Brasil. Qualquer dúvida sobre essas plantas fiquem a vontade para entrar em contato comigo. Gostaria de saber da possibilidade de receber fotos e material em alcool para minhas análises. São exclusivamente de cunho científico.
    Obrigado.
    Leandro
    _____
    do blog:
    Fica aí o recado para os leitores. E o blogueiro mandará um e-mail para o Leandro.

  10. Luana Freitas Says:

    Olá, meu nome é Luana Freitas e pesquiso sobre essa fantástica planta desde a graduação.
    Caso alguém tenha alguma dúvida ou alguma informação a respeito dela, por gentileza, me comuniquem, estarei a inteira disposição.
    Obrigada,
    Luana
    _____
    do blog:

    Nós, os leitores e o blog, é que agradecemos pela sua boa vontade, Luana! O blog está esperando que essas plantas apareçam de novo no bosque citado para solicitar-lhe alguns esclarecimentos.

  11. SodayWeerry Says:

    Just want to say what a great blog you got here!
    I’ve been around for quite a lot of time, but finally decided to show my appreciation of your work!

    Thumbs up, and keep it going!

    Cheers
    Christian

  12. Rürup Rente Vergleich Says:

    I really like your blog and i really appreciate the excellent quality content you are posting here for free for your online readers. thanks peace sandro

  13. João Batista Says:

    Estou agraciado em rever esta planta ainda que seja por foto. Eu a ví no idos tempos de criança no cerrado proximo de casa. Pensei que nunca mais a veria. Obrigado!
    Prof. João B. B. Viêira
    __________

    Valdir diz:

    É realmente rara, João Batista. Depois dessas fotos, as condições climáticas especiais que então vigoravam, não mais ocorreram e as possíveis sementes da planta ainda estão dormentes… e invisíveis.

Comentários encerrados.


%d blogueiros gostam disto: