Capororoca (ou Rapanéia)

Essa árvore é muito interessante, porque tem um porte ereto, “ideal para arborização de ruas estreitas”, um tronco de belo desenho e uma floração peculiar (saindo diretamente dos ramos, pedicelos gordinhos dão, cada um, suporte a até 9 ou 10 flores). Quando bate uma brisa mais forte, ou quando um pássaro pousa em um galho, caem, de pontos diversos, pequenas núvens de pólens. As tépalas, quando se desprendem (aparentemente quando não há fecundação), mantêm-se ligadas umas às outras, e formam no chão um tapete de estrelinhas.

É uma árvore alta e fina (aqui, com 13 cm de diâmetro na base). Costuma nascer, espontaneamente, em bosques ralos, de mata ou cerrado. Daí a dificuldade de fotografá-la à distância. Esta foto foi tirada apontando a lente da máquina num ângulo de 60 graus.

A capororoca tem uma floração pouco vistosa mas muito peculiar.

Apoiadas num pedicelo “gordinho”, as cinco flores se preparam para desabrochar.

Flores (meio milímetro de diâmetro) desabrochadas. Notem que cada uma tem 5 tépalas, não tem estames, e o pólen, abundante, aparece pregado à parte interna das tépalas. No centro, o estigma.

Chão de estrelas.

Logo estaremos criando uma nova página nos “Temas Especiais”- Árvores (aba ao lado), relativo à Capororoca, com informações mais completas.

About these ads

4 Respostas to “Capororoca (ou Rapanéia)”

  1. edson do nascimento Says:

    oi eu tenho uma capororoca em meu patio mas esta secando devagarinho quero uma ajuda rapida por que eu posso perder essa arvore nativa por favor me ajudem ,
    _____
    resposta do blog:
    Edson: Não é possível fazer um diagnóstico à distância, mas verifique inicialmente se não está faltando água à árvore. Se há pouca área livre (não calçada) em torno dela, pode estar aí o problema. Nesse caso, faça uma irrigação emergencial (pelo menos uns 100 litros de água), e depois aumente a área livre, cuidando para que a água da chuva possa se infiltrar nesse espaço.

  2. Fabian Says:

    Ola colega, tenho muito dessa arvore nativa dos brejos de minha região, sou apaixonado nessa danada pois acredito que ela tem a faculdade de refrescar o ambiente onde se desenvolve, mesmo sendo sua densidade baixa. Agora, eu queria confirmar suas propriedades medicamentosas para a pele humana. Poderia ajudar-me?
    _____
    resposta do blog:
    Fabian: vou ver se encontro alguma informação a respeito.

  3. Tatiane Says:

    Olá! Ganhei sementes desta árvore, gostaria de saber se eu plantá-las em um jardim do meu quintal se terei futuros problemas com sua raiz e se ela atingirá um tamanho mto grande?
    _____
    do blog:

    Tatiane:

    1. Capororoca é uma árvore que cresce bem verticalmente (tenho visto de até 10 metros de altura). Sua copa não faz sombra grande, mas média.

    2. A Capororoca, ou outra árvore qualquer, não apresentará problemas com as raízes se você tomar as seguintes providências:

    a) Em torno do tronco deve haver uma área plana, ou melhor ainda côncava, com pelo menos 2 metros de diâmetro. Área não calçada, que pode ser preenchida com grama ou plantas pequenas.
    b) Verifique se o solo onde a árvore vai crescer é um solo normal (se for composto por entulho, as raizes não se desenvolverão normalmente.

    Com essas providências as raizes crescerão normalmente, dentro do solo, sem aparecerem na superfície e sem danificarem calçadas ou construções.

    Mas primeiro semeie as suas sementes em embalagens de plástico ou de leite longa vida (fazendo furos na parte de baixo, para escoamento de excesso de água). Encha essas embalagens com terra comum, de quintal, misturada com esterco curtido ou terra vegetal (humus). Em cada embalagem, coloque duas ou três sementes, cobrindo-as com 1 cm da mesma terra da embalagem. Regue bem, e mantenha as embalagens em lugar não muito ensolarado (meia-sombra). Regue todos os dias, com o regador bem próximo à terra da embalagem, para evitar que as gotas caiam com muita força e movam as sementes.

  4. Amália Says:

    Oi
    td bem?
    estou procurando fotos do Capororoca do brejo,
    nome cientifico: Rapanea lancifolia
    é esta da foto??
    se não for, sabe onde posso encontrar fotos dela?
    Obrigada
    _____
    do blog:

    Amália:

    A Rapanea aqui mostrada é a guianensis. É provável que você encontre a lancifolia num dos volumes da obra “Árvores Brasileiras”, de Harri Lorenzi, Ed. Plantarum.

    Aqui mesmo no blog há uma página, chamada Capororoca , que tem mais fotos dessa espécie guianensis.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 69 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: